quinta-feira, 22 de junho de 2017


Tô pelo mundo!
Textura
Instagram
Facebook
Notícias

Segurança e Educação discutem ações de políticas públicas integradas | 27/07/2016

035ab30c-5e8b-4f91-84fb-a03800030f58

O governador Robinson Faria se reuniu na manhã desta quarta-feira (27) com agentes de segurança e representantes de escolas municipais e estaduais de Natal. O encontro aconteceu na Escola de Governo e teve por objetivo promover a cooperação da educação e segurança em busca de políticas públicas integradas.

Robinson Faria destacou que a segurança é um grande desafio e para superá-lo é preciso a integração entre Estado e municípios. “Cada um tem o papel fundamental na melhoria do cenário e números da segurança do RN. Com essa cooperação que se inicia hoje, a atuação da polícia será mais eficiente, atendendo as especificidades de cada área, aplicando as diretrizes de proximidade com a comunidade e trazendo melhores resultados para a sociedade”, disse o governador.

Durante o encontro, os participantes estiveram agrupados por bairros das Áreas Integradas de Segurança Pública (AISPs). Foram divulgadas as ações que estão sendo implementadas nas escolas e as que estão em fase de planejamento. Ainda na ocasião, o secretário de Segurança Pública, Ronaldo Lundgren entregou oficialmente ao governador, as diretrizes do programa Ronda Cidadã.

“Serão realizadas reuniões periódicas entre delegados, oficiais da PM e diretores escolares para que os problemas de cada AISP sejam resolvidos de acordo com as necessidades e diagnósticos apresentados pelas unidades educacionais”, explicou o secretário da Sesed, Ronaldo Lundgren.

A secretária de Educação do RN, Cláudia Santa Rosa completou que “é necessária a intervenção da segurança pública nas escolas para garantir a proteção de alunos, professores e comunidade”.

Na reunião, também estiveram presentes o Comandante da Polícia Militar, Coronel Dancleiton Pereira; o Delegado Geral da Polícia Civil, Clayton Pinho; o Comandante do Corpo de Bombeiros, Coronel Otto Ricardo; a representante do Departamento de Políticas Públicas do Observatório das Metrópoles da UFRN, Sara Raquel; o presidente do Conselho Estadual da Paz nas escolas, João Maria; o secretário municipal da Segurança Pública e Defesa Social de Natal, Daniel Henrique; além de diretores escolares, conselheiros e técnicos da secretaria estadual de Educação, gestores da segurança pública, companhias, delegados de polícia civil, chefes de investigação e guarda municipal da capital.

Compartilhe nas redes sociais:

Compartilhe no WhatsApp:


PSD de Parnamirim realiza convenção neste domingo (31) | 27/07/2016

Pensando em um novo tempo para Parnamirim, o diretório municipal do PSD realiza, domingo (31), a convenção para oficializar a candidatura do deputado Carlos Augusto à prefeitura da cidade e, ainda, a nominata de pré-candidatos à Câmara Municipal.

 c8a1dab5-f625-4ca2-a70a-56312ab9027a

A convenção será realizada na Escola Municipal Ivanira Paisinha – na Cohabinal, a partir das 14h. O evento deve também servir para definir as alianças e coligações do partido.9258fd2e-b335-49fd-b8ff-0971d8a029c8

Compartilhe nas redes sociais:

Compartilhe no WhatsApp:


Som sem Plugs divulga minidocumentário sobre região do Seridó Potiguar | 26/07/2016

 79d37f62-204e-40f3-815e-76d09182eadf

Belíssimas imagens e relevantes depoimentos fazem parte deste filme sobre a produção de cultura na região

Registros, paisagens, cultura, personagens, musicalidade e belos depoimentos. É com esses ingredientes que o projeto Som sem Plugs lança o minidocumentário sobre a incursão realizada na região do Seridó no mês de maio deste ano. O projeto que já disseminou várias vozes e traços artísticos do interior do Rio Grande do Norte divulga o último audiovisual da temporada, tendo como cenário, as cidades de Caicó, São José do Seridó e Currais Novos.

O filme traz registros relevantes sobre políticas públicas, desenvolvimento social, gestões políticas, e claro, depoimentos e experiências de grandes personagens da cultura na região, como: Francinaldo Moura, Manoel Neto, João Antônio e Assis Costa de Currais Novos e Anailza Viola, Dodora Cardoso e Edvanio Santos de Caicó.

Não deixe de conferir este trabalho. Acesse www.somsemplugs.com.br ou entre por meio das redes sociais do projeto. Assista, se emocione e divulgue a região do Seridó.

O Som sem Plugs conta com o patrocínio da Cosern – Grupo Neoenergia através da Fundação José Augusto e a Lei Câmara Cascudo de Incentivo à Cultura do Governo do Estado do Rio Grande do Norte. Apoio local: Prefeitura Municipal de Currais Novos (PMCN), Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Fundação Cultural José Bezerra Gomes e Casa de Cultura Palácio do Minerador. Restaurante Brilhante e Rancho da Bonita. Logística de transporte: Locarx – Aluguel de Carros.

Compartilhe nas redes sociais:

Compartilhe no WhatsApp:


Robinson destaca ações de enfrentamento à crise no RN | 26/07/2016

49f5c4af-1e31-4226-945f-94b8153f8bae

O governador Robinson Faria detalhou o cenário econômico atual e apontou as medidas de contenção de gastos e de recuperação financeira adotadas pelo atual gestão, durante entrevista à 98FM, na noite desta terça-feira (26). “Nossa luta para contornar a crise financeira é permanente”, afirmou.

Entre as ações, o governador destacou a publicação do decreto determinando cortes de gasto em todo o governo, que deve reduzir o custeio das secretarias em até 30%, com exceção de saúde e segurança. Robinson também citou o censo dos servidores, realizado para corrigir anomalias que pudessem existir na folha de ativos e de inativos.

“Fizemos o ajuste fiscal necessário. Mas enquanto a gente melhora o padrão de gastos e corrige anomalias, a arrecadação brasileira vem caindo. A nossa arrecadação estadual vem se mantendo, mas há frustração em relação aos repasses federais. A governabilidade está muito mais difícil que antes”, ponderou o governador, antes de esclarecer que o estado, por ser pequeno e pouco industrializado, depende 50% do repasse do Fundo de Participação dos Estados (FPE) e dos royalties de petróleo, cujo volume caiu consideravelmente nos últimos anos. “A frustração de receitas já ultrapassa R$ 800 milhões”, acrescentou.

Para criar uma perspectiva positiva ainda em 2016, no entanto, Robinson levou ao presidente interino Michel Temer, uma carta assinada por governadores do Norte e Nordeste que pede uma compensação para os estados com pequenas dívidas à União. A medida já anunciada pelo Governo Federal contempla apenas os grandes devedores, como São Paulo, Rio de Janeiro, Goiás e Rio Grande do Sul.

Neste mesmo sentido, há uma operação de crédito de R$ 850 milhões junto ao Banco do Brasil que já tramitou em todos os setores e a expectativa é de que seja liberada em breve. “Não há mais etapas para serem vencidas. Estamos aguardando apenas a assinatura do Ministro das Fazendas. Este valor será empregado em contrapartidas de importantes ações, e transformará o Rio Grande do Norte em um verdadeiro canteiro de obras”, afirmou, destacando ainda que as obras de saneamento de Natal que já estão com todos os recursos assegurados e que levarão a capital do estado ao status de primeira 100% saneada do Brasil.

Em relação ao pagamento dos servidores, Robinson lembrou que, apesar das dificuldades, o RN tem honrado os salários enquanto muitos estados sequer estão conseguindo cumprir a folha. Minas Gerais, exemplificou, está pagando os salários com dois meses de atraso, e o Rio Grande do Sul parcelando os pagamentos.

 “Hoje ser governador é assumir o Executivo no momento mais difícil da história brasileira. Esta é a maior crise da história do Brasil. Acrescente ainda a crise política e, no Rio Grande do Norte especificamente, uma seca de 5 anos e um estado recebido com mais de 1 bilhão de débitos vencidos”, assinalou Robinson.

Compartilhe nas redes sociais:

Compartilhe no WhatsApp:


XXV Simpósio Nacional dos Conselhos de Economia – SINCE acontece em Natal próximo mês | 26/07/2016

Business blank template vector illustration

Business blank template vector illustration

Evento reúne economistas de todo país e traz como tema “Desafio da Economia Brasileira”

Atual e instigante, o XXV Simpósio Nacional dos Conselhos de Economia – SINCE, que acontece este ano em Natal (RN), de 31 de agosto a 3 de setembro para receber economistas de todo Brasil traz, como tema principal para as discussões que permearão as mesas, a temática que vem causando mudanças no país, com a palestra “Desafios da Economia Brasileira: Previdência e Assistência Social como instrumento para a redução da desigualdade no Brasil”, ministrada por Milko Matijascic, técnico em Planejamento e Pesquisa no Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA).

O primeiro dia (31/08) do Simpósio, com início às 19h, será marcado pela solenidade de abertura, tendo presença dos presidentes Ricardo Valério, do Conselho Regional de Economia do Rio Grande do Norte (CORECON – RN); Júlio Miragaya, Conselho Federal de Economia (COFECON); Manuel Enriquez, da Ordem dos Economistas do Brasil (OEB); Juarez Trevisan, Federação Nacional dos Economistas (FENECON) e demais autoridades convidadas.

Na solenidade está previsto a entrega do XXII Prêmio Brasil de Economia e Destaque Econômico do Ano 2015 e apresentação do XXII CBE (Congresso Brasileiro de Economia) a ser realizado em Belo Horizonte (MG), coordenadas por Antônio Pádua, presidente do CORECON – MG.

Nos demais dias do Congresso, mesas de debates que envolvem o tema e o aperfeiçoamento da profissão e do sistema Cofecon/Corecons estarão em destaque. Nesta edição, entra, de forma inédita o painel “A Mulher Economista no Mercado de Trabalho e nas Entidades Profissionais’’, coordenada pela conselheira Bianca Lopes (CORECON-RO). O presidente do CORECON-RN, Ricardo Valério esclarece “É importante e satisfatório tratar sobre este tema e fico imensamente feliz por sermos a primeira cidade sede do Simpósio a debatê-lo. É inaceitável que, em pleno século XXI, a mulher, em sua realidade, trabalhe de igual para igual e receba um salário inferior ao do homem devido o gênero”.

O SINCE tem realização bianual e reúne economistas de todo país para discutir temas atuais em torno das estruturas e conjunturas econômicas, políticas e sociais do Brasil. Interessados a participar deverão fazer as inscrições disponíveis através do site www.corecon-rn.org.br.

O evento é uma parceria entre o CORECON-RN com o COFECON e apoio dos Corecons dos Estados do Rio de Janeiro (RJ), São Paulo (SP), Distrito Federal (DF), Rio Grande do Sul (RS) Paraná (PR), Bahia (BA), Pernambuco (PE), Ceará (CE) e Paraíba (PB), além das empresas QUALICORP e MÁXIMO SEGUROS.

Em paralelo ao Simpósio, acontece a VI Gincana Nacional de Economia que envolve alunos das universidades para a etapa final, quando selecionados irão disputar prêmios em dinheiro, totalizando R$ 7.200 às melhores duplas classificadas. Uma forma de valorizar os cursos junto à sociedade e apresentar o papel dos economistas. Regulamento completo pelo www.cofecon.org.br.

Informações, inscrições e programação completa: http://www.corecon-rn.org.br/since/

Compartilhe nas redes sociais:

Compartilhe no WhatsApp:


Mussulo Resort by Mantra (PB) já está com 90% de ocupação para o Dia dos Pais  | 26/07/2016

264e9ae5-f208-4827-8d4b-6530a0fcfcfd

No Litoral Sul da Paraíba, o Mussulo by Mantra registra 90% de ocupação para o fim de semana do Dia dos Pais. O resort, que conta com 102 bangalôs, vai oferecer atividades variadas que prometem divertir todos os hóspedes. A programação contará com concursos, gincanas entre pais e filhos, tarde com samba, caldinhos e drinks, além de brindes especiais para o pais.

“Conhecido por ser um empreendimento voltado para família, o Mussulo Resort é muito procurado para celebrar datas especiais, principalmente aquelas que contam com temáticas familiares, como é o caso do Dia dos Pais“, explica o gerente de Vendas e Marketing, Jairo Oliveira, que comemora a boa ocupação.

Em uma área de 96 mil metros quadrados, o Mussulo Resort by Mantra proporciona uma nova experiência em hospedagem perto das belezas naturais da região. Os bangalôs são envolvidos por uma estrutura completa de descanso e lazer, incluindo duas piscinas, spa, playground, sala de jogos, quadras esportivas, parquinho infantil e muito mais!

www.mussulobymantra.com.br

Compartilhe nas redes sociais:

Compartilhe no WhatsApp:


Advogado da banca Eider Furtado Advocacia participa de Simpósio Médico | 25/07/2016

O advogado André Felipe Furtado participou, no último sábado (23.07.2016), como palestrante do I Simpósio de Coagulação e Transfusão, promovido pela Sociedade dos Anestesiologistas do Rio Grande do Norte.

O tema central da palestra era sobre a questão sempre controversa da transfusão de sangue em pacientes cuja concepção religiosa diverge do procedimento médico, tais como as Testemunhas de Jeová. Na oportunidade, houve a abordagem da legislação relacionada a situação, com enfoque no conflito entre o direito fundamental à vida e à liberdade de crença.

Por fim, foram expostos alguns casos concretos, e a forma como o Judiciário brasileiro tem decidido essas questões. A ausência de uma pacificação na matéria pelos tribunais tem deixado sempre os médicos receosos quanto a forma de agir nessas situações.

Sobre a experiência, assim descreveu Dr. André Felipe: “Acredito que foi uma experiência muito proveitosa para todos, é sempre uma iniciativa a ser louvada a de realizar esse intercâmbio entre as variadas áreas do conhecimento humano, com a finalidade de se atingir uma maior coesão de procedimento na comunidade médica na questão das transfusões de sangue, para que esta consiga atingir o objetivo de salvar vidas, sem que os profissinais atuantes na área sofram qualquer risco de incorrer em alguma ilegalidade no exercício das suas atividades.”

Fonte :http://www.eiderfurtado.com.br/

Compartilhe nas redes sociais:

Compartilhe no WhatsApp:


Transmissão de Zika por pernilongo comum pode implicar ‘mudança radical’ em medidas de controle, diz pesquisadora | 25/07/2016

  • Mosquito CulexImage copyrightTHINKSTOCKImage captionPernilongo tem hábitos diferentes do Aedes aegypti

A bióloga Constância Ayres, da Fiocruz Pernambuco, fez uma descoberta inédita que tem o potencial de proporcionar um salto no conhecimento dos cientistas sobre o vírus Zika, e mudar radicalmente a estratégia brasileira de prevenção dele.

Ayres conseguiu encontrar, pela primeira vez, pernilongos carregando o vírus na natureza.

Na quinta-feira, a Fiocruz anunciou oficialmente que o mosquito Culex quinquefasciatus, conhecido como muriçoca ou pernilongo doméstico, também pode transmitir o vírus que causa microcefalia e malformações em bebês.
Até então, cientistas acreditavam que o mosquito Aedes aegypti era o principal vetor do vírus no Brasil. Agora, de acordo com Ayres, os cientistas precisam determinar qual das duas espécies é a mais importante na epidemia de Zika no Brasil.

Durante o anúncio, a Fiocruz afirmou que, até que se compreenda a importância do pernilongo na epidemia, a política de controle da Zika continuará focada noAedes aegypti.

Mas dependendo dos resultados, seria necessária uma “mudança radical” na atual estratégia atual de controle da epidemia, afirma a pesquisadora.

“Não existem estratégias de controle do Culex no Brasil. Isso vai ter de mudar radicalmente”, diz.

Em entrevista à BBC Brasil, Ayres esclareceu a dúvidas sobre o andamento da pesquisa e as implicações de sua descoberta.

1. Como determinou-se que o pernilongo pode transmitir o vírus Zika?

A pesquisa analisou 500 pernilongos capturados na Região Metropolitana do Recife. Eles foram obtidos em locais onde havia casos notificados de Zika, segundo Ayres, para aumentar a possibilidade de se encontrar o vírus no ambiente.

Os pernilongos foram divididos em 80 grupos, e o vírus foi encontrado em três deles. Em dois destes grupos, de acordo com a Fiocruz, os mosquitos não estavam alimentados. Isso demonstra “que o vírus estava disseminado no organismo do inseto e não (foi contraído) em uma alimentação recente num hospedeiro infectado”.

 

No laboratório, a equipe de Ayres alimentou os mosquitos com uma mistura de sangue e vírus, para entender como o Zika se replica dentro dos insetos.

Em seguida, os pesquisadores investigaram o intestino e a glândula salivar dos mosquitos. Se o pernilongo não fosse vetor, seu intestino bloquearia o desenvolvimento do vírus dentro do organismo.

Mas, se o vírus conseguisse se replicar, ele chegaria até a glândula salivar doCulex e poderia ser transmitido para humanos durante a picada.

Dessa forma, a equipe de Ayres confirmou que o Culex pode carregar o vírus em seu organismo. Amostras da saliva dos pernilongos infectados foram analisadas, e continham quantidades de vírus semelhantes às encontradas na saliva do Aedes aegypti.

Segundo Ayres, outra descoberta da Fiocruz Pernambuco dá força à hipótese: um grupo de pesquisa percebeu que a distribuição geográfica da filariose (elefantíase) e do Zika vírus em Recife é muito semelhante.

Em Recife, o Culex quinquefasciatus é o único mosquito que transmite o parasita que causa a elefantíase. “Somos a única área do Brasil endêmica para essa doença”, explica a bióloga.

“Cerca de 85% das mães que tiveram bebês com microcefalia por causa do Zika estão em áreas muito precárias, sem saneamento básico, onde ocorre mais a filariose. Isso pode explicar a participação do Culex na transmissão da Zika e dar suporte à nossa hipótese.”

“O Aedes aegypti, por outro lado, está mais distribuído na cidade. Vemos que a dengue é uma doença bem democrática, não está só em áreas precárias”, afirma.

2. O pernilongo também pode ser vetor de tranmissão de dengue e chikungunya?

De acordo com a Fiocruz, a pesquisa deu prioridade ao vírus Zika por causa da epidemia da doença no Brasil e sua ligação com a microcefalia.

Apesar da epidemia de chikungunya, que também atinge principalmente Estados do Nordeste, ainda não se sabe se esta doença também pode ser transmitida peloCulex.

Ayres afirma que o vírus da dengue já foi encontrado em pernilongos coletados em campo, mas ainda não se confirmou se ele pode ser seu vetor.

3. Se o pernilongo for o principal transmissor, qual seria o impacto desta descoberta?

Para Ayres, isso significaria a necessidade de alterar a estratégia atual de controle da epidemia de Zika, completamente focada no controle da população do Aedes aegypti.

“Não existem estratégias de controle do Culex no Brasil. Isso vai ter de mudar radicalmente, e é por isso que as autoridades exigem muita cautela e mais comprovação. É natural que seja assim”, diz.

O pernilongo tem hábitos diferentes do Aedes aegypti. É mais ativo à noite, por exemplo, o que tornaria importante a proteção com repelentes e roupas compridas também neste horário, especialmente para gestantes.

Ele também prefere colocar seus ovos em locais extremamente poluídos como esgotos, fossas e canaletas, o que, segundo a pesquisadora, tornaria as medidas de saneamento básico ainda mais “urgentes” para evitar novos casos de Zika e microcefalia em bairros mais precários.

“O saneamento básico não erradicará o mosquito, mas vai ajudar no seu controle populacional. As medidas de saneamento ajudam a manter o mosquito em um nível no qual não teremos grande epidemia, apenas casos esporádicos da doença.”

Constância AyresImage copyrightGABRIELA BELÉM | BBC BRASIL
Image captionPesquisadora agora investigará a eficiência do pernilongo na transmissão do Zika

4. Quais são os próximos passos da pesquisa?

Segundo Ayres, sua equipe agora investigará qual é exatamente a capacidade vetorial do Culex, ou seja, quão eficiente ele é para carregar e transmitir o vírus.

“Já sabemos que a taxa de infecção natural do Culex é semelhante à do Aedes aegypti, mas isso envolve outros aspectos biológicos do mosquito na natureza: o tamanho da sua população, a longevidade dessas espécies, o número de picadas que dão no homem, se preferem se alimentar do sangue humano ou não”, afirma.

“Quando tivermos essas informações, poderemos saber qual das duas espécies tem maior importância na transmissão do Zika.”

De acordo com a bióloga, a população de pernilongo em Recife é 20 vezes maior que a do Aedes aegypti. Mas, apesar desta vantagem populacional do Culex, oAedes pica mais vezes uma pessoa para se alimentar.

É necessário entender, por exemplo, se picar várias vezes faz do Aedes vetor mais competente de transmissão do vírus.

A equipe pernambucana também investiga a possibilidade de a fêmea do pernilongo transmitir o vírus para sua prole ainda nos ovos.

“Coletamos os ovos dos mosquitos infectados, as larvas eclodiram, deixamos crescer até virarem adultos e congelamos o material. Vamos analisá-lo”, explica Ayres.

“Se conseguirmos detectar o Zika, significa que eles contraíram o vírus da mãe. Isso tem importância epidemiológica, porque é mais uma forma de o vírus se manter presente na natureza. Ele poderia permanecer no ambiente sem necessariamente ter de passar por humanos.”

No ciclo de transmissão de doenças como o Zika, o Aedes aegypti pica uma pessoa doente, se infecta e leva o vírus para outras pessoas. Ele não transmite o Zika, até onde se sabe, a seus ovos.

5. A descoberta do Culex como vetor do Zika é preocupante para outros países do mundo?

De acordo com a bióloga, o Culex quinquefasciatus está presente em todas as áreas urbanas de regiões tropicais, subtropicais e temperadas – de clima mais frio, como países do Norte da Europa, Canadá e Austrália. Já o Aedes aegypti fica restrito às regiões tropicais e subtropicais.

Ela esclarece, no entanto, que mostrar a capacidade do Culex de transmitir Zika no Brasil não significa que o mesmo ocorreria, por exemplo, nos Estados Unidos.

“Existe a possibilidade, mas cada população deve ser investigada, principalmente porque o Culex quinquefasciatus, que é o que temos no Brasil, é parte de um complexo de espécies”, diz.

“Nos Estados Unidos existem outras subformas dessa espécie de mosquito. E não sabemos ainda se a competência vetorial de todas as espécies é a mesma.”

*Colaborou Gabriela Belém, de Recife para a BBC Brasil

Compartilhe nas redes sociais:

Compartilhe no WhatsApp:


“LANÇAMENTO DA 4ª EDIÇÃO DA REVISTA FUNFFEC” em Luís Gomes | 25/07/2016

13782252_943103865835431_459782941238391452_n 13775865_943107302501754_4269351226847107412_n 13726689_943104042502080_6017810403237505498_n

Compartilhe nas redes sociais:

Compartilhe no WhatsApp:


Mensagem do dia | 25/07/2016

13626626_1338361142860021_8905592413824262002_n

Compartilhe nas redes sociais:

Compartilhe no WhatsApp:


Página 102 de 115« Primeira...102030...100101102103104...110...Última »
Visitantes

8.238

Destaques
Procurando algo?
Parcerias